terça-feira, janeiro 03, 2006

Escola, escolinha... és cá uma merdi***

Bem, realmente quando se está algum tempo sem se ter aulas, o regresso às mesmas é uma penitência, que até dói.
Isto não é fácil recomeçar mais um período com aquelas aulas de biologia logo à segunda-feira de manhã, (até a minha avó consegue ser menos aborrecida…). Ah e depois ainda ouvir: “Oh meninos não usem a palavra necessário nos testes que isso faz lembrar o Lamarck”… “ Stôr posso ir à casa de banho? Epah mas é mesmo preciso”?! O homem deve pensar que uma pessoa vai ao WC para fazer desporto ou algo que se pareça, tipo uma corridinha, (se bem que às vezes lá calha…). Dá vontade responder: “olhe não é preciso, é NECESSÁRIO e urgente, senão traga um penico para as aulas e já agora um belo estimulante…”. Como se isto não bastasse, a frase irrisória que vai ficar para a história é: “Ah o trabalho estava muito bom, mas por causa da coreografia não posso dar 20” Afinal de contas, já não se pode usar expressividade à medida que se fala, porque agora parece que isso passou a ser chamado de coreografia. A cena mais descabida é quando um lápis, escapa e cai, e se ouve simultaneamente: “Pah atenção, vocês não sabem que têm de fazer exame”??? Isto é no que dá casarem-se com o GAVE e companhia, em sigilio, e depois uma pessoa que lhes ature as neuroses. Enfim…
Mas como o melhor de tudo são as crianças, como é bom voltar a vê-las aos pontapés nos corredores para ver qual delas consegue destruir o nariz mais próximo. Porém, o que é realmente agradável, aliás é por isto que gosto de fazer testes, é o facto de uma pessoa estar a tentar fazer um teste, quando de repente entra disparatada uma miúda, que caiu não sei muito bem de onde, a bracejar: “Oh pai, ó pai…” Enfim, logo agora que aquela escola até estava a ficar recomposta, depois da saída de um elemento, que já fazia parte da mobília.
Hoje ouvi de tudo, até:: "O meu filho é tão ferrenho pelo sporting, que é anti_benfiquista..." Quanto a isso, tratarei num post em breve. Por agora só constato que é grave ver cada vez mais gente a degenerar... (Coitadinho, ainda é criança não pensa por si. Mas não é preciso ser-se ferrenho, é preciso é estar-se iludido...)
Bem, por tudo isto é impossível não ter saudades de retomar o 2º período para assistir a espectáculos destes… uma pessoa até fica maravilhada! Na verdade, sei que vou ter saudades disto (mas daqui a uns belos e longínquos tempos… quiçá.)
Para acabar em beleza, desejo bom regresso a mais uma jornada, ás pessoas que assistem a espectáculos deste género por esse mundo fora. Por agora, vou ver se estudo alguma coisinha... lá terá de ser. :)

2 comentários:

ouriço disse...

olá,
quero comecar por dar-te os parabens pela tua escrita, ao contrário dum certo comentário feito noutro post teu, eu acho que quem sabe escrever bem o deve fazer quanto mais não seja para que certas pessoas (onde eu me incluo) possam aprender alguma coisa, pois para escrever mal já chegam os que andam por ai.
para terminar, quero dizer que com o que li, fiquei com vontade de cá voltar, continua a escrever de uma forma inteligente e em palavreado caro pois aqui é de graça.
fica bem até à proxima.

ju disse...

lolololol..bem so tu pa revelares os conteudos das tristes aulas d biologia...um dia inda t vais rir dakele triste hoemem...diga-s k ele é UNIKO..lolol..bem olha dorei td mas como eu tb sei como é a tortura da aula d biologia..decidi deixar aki o coment..TA TD LINDUH